Governança Corporativa, Compliance e LGPD

Quero saber mais sobre a atuação do Portugal Vilela nessa área.

    Governança Corporativa, Compliance e LGPD

    A organização interna das empresas, além de representar ganhos com eficiência, tornou-se um diferencial de competividade. Com a utilização das boas práticas de Governança Corporativa enormes são os benefícios obtidos, principalmente o alinhamento e a adesão dos envolvidos, independente da hierarquia, aos princípios e valores da empresa, o que tende a gerar maior riqueza e longevidade.

    A equipe de Portugal Vilela está apta a diagnosticar as falhas nas práticas de governança corporativa e formatar novas regras e políticas necessárias para o desenvolvimento de um novo modelo, seja promovendo treinamentos, participando de conselhos de administração ou consultivos, elaborando novos procedimentos decisórios e zelando pela formalização dos atos dos Administradores.

    Já as práticas de Compliance são uma tendência cada vez mais forte e essenciais para uma maior competitividade das empresas. É fundamental que os procedimentos de todos os setores que compõem a organização estejam alinhados em busca da integridade exigida pelas leis e cada vez mais pelo mercado.

    Para tanto, Portugal Vilela possui profissionais capazes de traçar um diagnóstico dos processos internos já existentes, propondo ajustes de acordo com leis e normas correlatas, visando implantar um programa de Compliance adequado a cada realidade.

    Outrossim pode ser necessário  dar suporte à condução de eventuais investigações internas e assessoria nas diversas questões decorrentes da gestão do programa.

    Conexo com tudo isso, temos ainda o assessoramento à implantação das práticas de Proteção de Dados Pessoais, nos termos das exigências introduzidas pela LGPD – Lei n° 13.709/2018.

    Portugal Vilela está pronto para auxiliar empresas a se prepararem para adotar os processos necessários às exigências fixadas pela LGPD, em trabalho conjunto com parceiros na área de tecnologia da informação.

    Quero saber mais sobre a atuação do Portugal Vilela nessa área.

      Conteúdos relacionados
      LGPD
      Clara Sales Rebechi Botelho

      Perspectivas da Lei Geral de Proteção de Dados para 2024

      Uma análise de Clara Rebechi, sobre as principais mudanças na Lei Geral de Proteção de Dados para 2024.

      Descubra os avanços e desafios da LGPD, incluindo regulações que estão por vir e as primeiras punições por não conformidade.

      Quando convocar AGO Assembleia Geral Ordinaria
      Governança Corporativa
      Bernardo Portugal

      Quando realizar uma Assembleia Geral Ordinária na sua empresa

      Uma das obrigações societárias que se repete todo ano, seja qual for o porte da empresa, é a exigência legal de que sejam convocadas as Assembleias Gerais Ordinárias, no caso das sociedades anônimas, e as Reuniões Anuais de Sócios, no caso das sociedades limitadas.

      Usamos cookies para personalizar, coletar dados e melhorar sua experiência no nosso site. Para mais informações, conheça nossa Política de Privacidade.